quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

De Olho no Oscar

Norbit

Norbit (Eddie Murphy) é um rapaz desengonçado e feio que nunca conheceu os pais. Quando bebê foi abandonado em frente a um restaurante chinês, e acabou sendo adotado por um velho chamado Mr. Wong (Eddie Murphy). Sem muitas chances na vida, casa-se com Rasputia (Eddie Murphy), mulher obesa e dominadora. Sufocado pelas crueldades da esposa, Norbit se apaixona pela atraente Kate (Thandie Newton), paixão de sua infância.
Críticas desfavoráveis levaram o filme ao fracasso. Quando aluguei, já temia o que viria pela frente. Sem dúvida, um dos piores filmes da irregular carreira do comediante Eddie Murphy. O pior de uma comédia é quando não conseguimos rir com ela. E Norbit se encaixa perfeitamente nesta idéia. Situações escatológicas, como flatulências e nojeiras semelhantes (quem assistiu ao filme “O Professor Aloprado”, de 1996, sabe muito bem do que estou falando) e personagens idiotas tornam o filme desagradável e chato. Estava ansioso para que os créditos finais chegassem logo.
Este ano Norbit concorre ao Oscar de melhor maquiagem (feita pelo mestre Rick Baker). Realmente é impressionante ver Eddie Murphy como Mr. Wong. Os menos avisados sequer irão perceber que é o ator negro quem interpreta o papel. Já Rasputia (uma maquiagem carregada, em que a personagem pesa mais de 130 quilos) é uma variação de “O Professor Aloprado” (quando Murphy se transformou em várias pessoas de uma mesa família, todos gordos). Murphy parece gostar de papéis em que há exagero no disfarce. Além de “O Professor Aloprado” e de sua continuação, "O Professor Aloprado II - A Família Klump", ele esteve à frente de três personagens no filme “Um Vampiro no Brooklin”, em 1995.
Quanto ao filme Norbit, este é mais um exemplo de bobagem descartável. Um dos grandes problemas gira em torno da figura de Rasputia. Uma personagem extremamente mal humorada e nervosa, o que provoca rápida antipatia do público. E outra: o ator Marlon Wayans (dos dois primeiros filmes da série “Todo Mundo em Pânico”) cai no exagero e no caricato, como é de costume em seus trabalhos. Ele interpreta um professor de academia dentuço e torto que aceita a infeliz tarefa de ser amante de Rasputia. É difícil nomear o pior personagem desta comédia insensata.
Tão ruim que o filme recebeu oito indicações ao Framboesa de Ouro (premiação voltada aos piores do ano) de 2008. E “Norbit” lidera nas piores categorias, como filme, roteiro, direção e ator. Evite. (Por Felipe Brida)

Título original: Norbit
País/Ano: EUA, 2007
Elenco: Eddie Murphy, Thandie Newton, Terry Crews, Cuba Gooding Jr., Marlon Wayans, Clifton Powell.
Direção: Brian Robbins
Gênero: Comédia
Duração: 102 min.

Um comentário:

Mary disse...

Olá Felipe, parabéns pelo blog. Vou seguir sua sugestão e passar longe desse filme kkkkkkkk.
Bom saber que existe alguém de bom senso e disposto a fazer críticas sobre filmes e nos indicar mais ou menos qual devemos assistir e qual devemos fugir, pelo menos pra mim, que sempre fico meio perdida. Ainda não olhei todo o blog, mas gostaria de ver críticas também sobre o cinema brasileiro, adoro filmes nacionais.

Bjus